Auditoria em Condomínios

Auditoria em Condomínios

Consiste em uma análise minuciosa nas prestações de contas, na qual são efetuadas diversas verificações nos documentos a elas relacionados, tais como  contratos, Estatuto, Convenção do Condomínio, pareceres do Conselho Fiscal, deliberações em assembleias, cotações de preços, notas fiscais. É efetuada a análise dos riscos trabalhistas e previdenciários envolvidos, detecção de inconformidades, análise da constituição e uso do Fundo de Reserva, rateios de despesas, confirmações de pagamentos, dentre muitas outras (são aproximadamente 50 verificações). 

 

Há dois tipos principais de serviços de Auditoria para serem aplicados em Condomínios:

 

  • Auditoria Investigativa (análise e confirmação de fraudes)
  • Auditoria Preventiva​​
img_condominio_seguran_a.gif
img_condominio_investigativa2.jpg

Auditoria Investigativa

É um serviço profissional de auditoria que abrange amplos conhecimentos da legislação vigente, no qual são aplicadas técnicas de investigação nas contas do condomínio, com a utlização de recursos tecnológicos, tendo como objetivo principal o de apontar a existência ou não de omissões nas prestações de contas mensais, má gestão do dinheiro dos condôminos, desvios ou fraudes efetuadas, como por exemplo, aquelas relacionadas com a "maquiagem" na comprovação de operações de transferências de valores através de Home Banking ou outros meios. A necessidade da contratação deste tipo de auditoria decorre, na maioria das vezes, da constatação de irregularidades, aumentos excessivos nos gastos sem melhorias aparentes, dentre outros fatores.​

Auditoria Preventiva

Visa a prevenção de inconvenientes, dando mais transparência dos gastos e o melhor aproveitamento dos recursos financeiros do Condomíinio. Este serviço consiste no acompanhamento mensal das prestações de contas, mediante a geração de relatórios trimestrais, nos quais são apontadas as deficiencias nos controles internos, as inconsistências detectadas, bem como, recomendações de melhorias. É importante ressaltar que a auditoria preventiva é uma prática que visa assegurar a diminução das incertezas quando da aprovação das contas do Condomínio.

img validade juridica.jpg

Validade Jurídica do Relatório de Auditoria

 

Ao final dos trabalhos é emitido o Relatório de Auditoria sobre os itens-chave verificados através de procedimentos previamente acordados, devidamente assinado por contador habilitado com qualificação técnica para exercer serviços de auditoria externa independente, conforme Certificação de Registro no Cadastro Nacional de Auditores Independentes - CNAI, do Conselho Federal de Contabilidade - CFC, consoante ao exposto nos termos da Resolução CFC n. 1.495, de 20/11/2015 e na NBC PA 13 (R2).

 

A citada NBC PA 13 (R2), dispôe:

 

 

1.       O Exame de Qualificação Técnica tem por objetivo aferir o nível de conhecimento e a competência técnico-profissional necessários do contador na área de auditoria independente.

 

2.       O Exame de Qualificação Técnica será implementado pela aplicação de provas escritas.

 

3.       As provas previstas de serem realizadas para atuação do contador em auditoria indepentende são as seguintes:

(a) prova de Qualificação Técnica Geral para atuação em entidades em geral;

(b) prova específica para atuação em instituições reguladas pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM);

(c) prova específica para atuação em instituições autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil (BCB); e

(d) prova específica para atuação em sociedades supervisionadas pela Superintendência de Seguros Privados (SUSEP).

4.       A aprovação na prova de Qualificação Técnica Geral assegura ao Contador o registro no Cadastro Nacional de Auditores Independentes (CNAI) do Conselho Federal de Contabilidade (CFC).